Sexta-feira, 21 de Agosto de 2009
publicado por Nuno Gouveia em 21 Ago 2009, às 19:59

Uma das imagens de marca deste Partido Socialista é o grau de conflitualidade que imprimiu na sua governação. Fazendo lembrar aqueles clubes de futebol que "atiçam" inimigos externos para fortalecimento interno, o PS foi desafiando diversos sectores da sociedade para o conflito. Ou estão connosco ou contra nós, poderia ser o lema de guerra deste PS.

 

Os episódios sucederam-se ao longo destes últimos quatro anos, culminando recentemente com a guerra declarada de sectores socialistas próximos de José Sócrates à Presidência da República. Cavaco Silva iniciou o seu mandato sob o lema da cooperação estratégica, implementando um estilo de colaboração com o governo. Infelizmente o PS não soube aproveitar o clima criado pelo Presidente da República, e decidiu hostilizar Cavaco Silva. A partir do lamentável episódio do Estatuto dos Açores, o PS escolheu dificultar  vida a Belém, criando factos desagradáveis que Cavaco Silva não pôde ignorar. Quem lê e ouve o que dirigentes socialistas têm dito só pode chegar a esta conclusão. A pergunta que se coloca é: será que o PS pensa que pode obter dividendos eleitorais colocando o Presidente da República como seu adversário?

 

Também aqui.


6 comentários:
De jrrc a 21 de Agosto de 2009 às 20:12
Eu espero que não. Isto na resposta à pergunta.
Lá que merecia, merecia. Mas Sócrates não é homem para este tipo de tricas. Ele já enterrou muito lixo...


De josé castro a 21 de Agosto de 2009 às 22:12
Cavaco Silva, uma vitima.
Ainda bem que já recebeu a indemnização de 360'000 euros do BPN.


De Cegueira Não a 22 de Agosto de 2009 às 10:58
Já no PSD nada disso se passa. Todos os Passos-Coelhistas aí andam felizes e contentes.


De andreia lopes a 22 de Agosto de 2009 às 20:39
partido em guerra é o PSD! E guerra civil ainda por cima que é o pior tipo de belicismo


De NP a 23 de Agosto de 2009 às 10:40
Este post é um magnífico pedaço de humor. Com as devidas adaptações, daria um belo sketch.

"Ou estão connosco ou contra nós"... Lindo... No PSD, nada disto acontece. Aliás, militantes como Carrilho ou Alegre, que no passado tanto se oposeram às opções dos líderes do partido, mas nunca foram afastados ou "silenciados", são o melhor exemplo disso.

E o que dizer da vitimização de Cavaco? É o coitadinho que até queria ajudar o Governo, mas depois veio o Governo e zás, estragou a festa... Enfim...

Nuno Gouveia é um homem imaginativo. Continue assim, precisamos de pessoas dinâmicas, criativas e bem humoradas neste país.


De Mário Cruz a 23 de Agosto de 2009 às 18:32
Decididamente os acólitos do sr. Sócrates estão em pé de guerra. Vão ficar sem tacho e isso leva-os a estas reacções estéricas e incontidas. Basta ver os comentários feitos a este post. :-))


Comentar post


Jamais - Advérbio. Nunca mais, outra vez não, epá eles querem voltar. Interjeição muito usada por um povo de dez milhões de habitantes de um certo cantinho europeu, orgulhoso do passado mas apreensivo com o futuro, hospitaleiro mas sem paciência para ser enganado, solidário mas sobrecarregado de impostos, com vontade de trabalhar e meio milhão de desempregados, empreendedor apesar do Estado que lhe leva metade da riqueza, face à perspectiva terrível de mais quatro anos de desgoverno socialista. Pronuncia-se à francesa, acompanhado ou não do vernáculo manguito.
Vídeo da Semana
autores
posts recentes

Valeu a pena dizer "Jamai...

...

A luta continua.

Até amanhã camaradas

Post final

O novo PSD

"Obrigado Manuela", segui...

Saudações democráticas

Parabéns ao PS

No dia 27, vamos todos vo...

últ. comentários
O Sôtor Elisio Maia fala assim porque depende do a...
ótimo blog, parabéns...
Realmente é o pais considerado como o pais do truq...
Conversa de urinol ..... caro boy PS!!!
Caro amigo anónimo, de facto encontro alguma razão...
meu caro amigo, não duvido das suas competências.....
está completamente certa. Mais... o 12º é pior, po...
nao faz a minima ideia de como existem formandos a...
Esta afirmação de Platão devia estar melhor docume...
Escandalizam-me reflexões como as do artigo da Sra...
mais comentados
links
arquivos

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

subscrever feeds