Quinta-feira, 10 de Setembro de 2009
publicado por Joaquim Biancard em 10 Set 2009, às 23:57

Grande repto de MFL hoje no debate com PP à entrevistadora Judite Sousa: «...à semelhança do caso de Marcelo Rebelo de Sousa na TVI, porque é que a Judite como Directora de Informação da RTP não convida Manuela Moura Guedes?...»


4 comentários:
De Joaninha a 11 de Setembro de 2009 às 00:44
Realmente foi um grande repto. É que a Judite de Sousa, esposa do dr Fernando Seara do PSD, estaria certamente a fazer o favor ao PS, porventura aterrorizada pelo Engº José Sócrates.
É provável que faça parte da tal brigada anti-democracia que o PSD diz existir para acabar com as liberdades todas neste País.
O que vale vocês contentam-se com pouco e riem-se muito com estas cowboiadas.
Mas não têm a noção do ridículo?


De Amêijoa Fresca a 11 de Setembro de 2009 às 10:32
Por que será?...

O repto foi lançado
em forma de invitação,
num assunto forçado
que causou irritação.

O repto foi esquecido
por muitos comentadores,
num caso desvanecido
por princípios castradores.


De João Tavares a 11 de Setembro de 2009 às 16:34
Segundo o vosso próprio raciocínio, a propósito do caso Moura Guedes/Sócrates, se - hipoteticamente, no futuro - Moura Guedes acabar na RTP, isso deveu-se a uma pressão, pública, de Manuela Ferreira Leite. Certo? O nome desse passo entre uma premissa e uma conclusão num raciocínio tem um nome: proceso de intenção. Coisa em que alguns bloggers cultivam como uma bela-arte.


De Filipe Mergulhão a 12 de Setembro de 2009 às 11:18
Grande repto realmente! Para além de demonstrar algum sentido de humor, demonstrou que ao contrário do actual espírito controleiro PS da televisão pública que é verdadeiramente escandaloso nos serviços de informação da RTP, nos tempos do governo PSD-CDS foi possível à RTP convidar para comentador um dos mais ferozes críticos da governação....que diferença para o que agora se passa!


Comentar post


Jamais - Advérbio. Nunca mais, outra vez não, epá eles querem voltar. Interjeição muito usada por um povo de dez milhões de habitantes de um certo cantinho europeu, orgulhoso do passado mas apreensivo com o futuro, hospitaleiro mas sem paciência para ser enganado, solidário mas sobrecarregado de impostos, com vontade de trabalhar e meio milhão de desempregados, empreendedor apesar do Estado que lhe leva metade da riqueza, face à perspectiva terrível de mais quatro anos de desgoverno socialista. Pronuncia-se à francesa, acompanhado ou não do vernáculo manguito.
Vídeo da Semana
autores
posts recentes

Valeu a pena dizer "Jamai...

...

A luta continua.

Até amanhã camaradas

Post final

O novo PSD

"Obrigado Manuela", segui...

Saudações democráticas

Parabéns ao PS

No dia 27, vamos todos vo...

últ. comentários
O Sôtor Elisio Maia fala assim porque depende do a...
ótimo blog, parabéns...
Realmente é o pais considerado como o pais do truq...
Conversa de urinol ..... caro boy PS!!!
Caro amigo anónimo, de facto encontro alguma razão...
meu caro amigo, não duvido das suas competências.....
está completamente certa. Mais... o 12º é pior, po...
nao faz a minima ideia de como existem formandos a...
Esta afirmação de Platão devia estar melhor docume...
Escandalizam-me reflexões como as do artigo da Sra...
mais comentados
links
arquivos

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

subscrever feeds