Sábado, 15 de Agosto de 2009
publicado por Sofia Rocha em 15 Ago 2009, às 15:47

Podemos ler no Programa do PS ( página 14) que promete, caso fosse Governo:

- Fazer um Pacto para o emprego.

- Reforçar a parceria com o sector social.

Como promessas para um novo Governo são de enaltecer. Todavia, não é de esperar que seja o PS a cumpri-las.

O PS foi governo nos últimos quatro anos e não fez nenhum Pacto para o emprego, nem reforçou as parcerias com o sector social. Pelo contrário.

Quanto a medidas para o emprego, relembro uma em particular. Num debate quinzenal do início do ano, o Primeiro-Ministro anunciou que iriam ser disponibilizadas 30.000 vagas nas instituições públicas e de solidariedade social mais carenciadas, que acolheriam desempregados inscritos nos centros de emprego.

Informei-me na minha zona de residência - num dos maiores centros de emprego em Lisboa. Ninguém sabe sequer do que se trata, apesar de me dizerem que muitos desempregados perguntaram por essa medida quando foi divulgada.

Constata-se por isso que nem o Pacto para o emprego existe, nem existe vontade de reforçar qualquer parceria com o sector social.

Acresce ainda que em relação a este importante sector o Governo tomou medidas ostensivas de boicote como quando acabou com os ATL´s espalhados pelo país. 

Pior do que não existir esse pacto ou esse reforço é a tentativa de esconder as circunstâncias atrás dos panos vistosos e pomposos do marketing político.

 

 

 

 


1 comentário:
De Anónimo a 15 de Agosto de 2009 às 20:29
E o PS vai ser mesmo Governo, minha menina...


Comentar post


Jamais - Advérbio. Nunca mais, outra vez não, epá eles querem voltar. Interjeição muito usada por um povo de dez milhões de habitantes de um certo cantinho europeu, orgulhoso do passado mas apreensivo com o futuro, hospitaleiro mas sem paciência para ser enganado, solidário mas sobrecarregado de impostos, com vontade de trabalhar e meio milhão de desempregados, empreendedor apesar do Estado que lhe leva metade da riqueza, face à perspectiva terrível de mais quatro anos de desgoverno socialista. Pronuncia-se à francesa, acompanhado ou não do vernáculo manguito.
Vídeo da Semana
autores
posts recentes

Valeu a pena dizer "Jamai...

...

A luta continua.

Até amanhã camaradas

Post final

O novo PSD

"Obrigado Manuela", segui...

Saudações democráticas

Parabéns ao PS

No dia 27, vamos todos vo...

últ. comentários
O Sôtor Elisio Maia fala assim porque depende do a...
ótimo blog, parabéns...
Realmente é o pais considerado como o pais do truq...
Conversa de urinol ..... caro boy PS!!!
Caro amigo anónimo, de facto encontro alguma razão...
meu caro amigo, não duvido das suas competências.....
está completamente certa. Mais... o 12º é pior, po...
nao faz a minima ideia de como existem formandos a...
Esta afirmação de Platão devia estar melhor docume...
Escandalizam-me reflexões como as do artigo da Sra...
mais comentados
links
arquivos

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

subscrever feeds