Domingo, 16 de Agosto de 2009
publicado por Maria João Marques em 16 Ago 2009, às 12:36

Pois é, caros socialistas, o Churchill também sempre teve um valet lhe deixava, todas as noites, a escova de dentes devidamente fornecida com o dentífrico. Mas esses tempos já passaram. Há várias décadas. Curioso que sejam os socialistas a não reparar. Se calhar agora as referências da maioria da população são outras. Se calhar, digo eu.


7 comentários:
De Paulo a 16 de Agosto de 2009 às 14:19
É bom saber com que tipo de socialistas lidamos
Sofia Loureiro dos Santos, filha do General Loureiro dos Santos, médica de laboratório e suposta poetisa inflama-se sempre que alguém não concorda com o que pensa e à boa maneira socratiana, censura posts "alegadamente isultuosos" descalabra mentira para quem de forma delicodoce se apresenta uma pura do regime de sócrates (espera um lugarzinho ao sol) leia-se o link para ver ao ponto a que chega http://defenderoquadrado.blogs.sapo.pt/391154.html


De Maria João Marques a 16 de Agosto de 2009 às 19:08
De facto o post referidonão merece comentários.


De Sofia Loureiro dos Santos a 16 de Agosto de 2009 às 21:28
Aqui se demonstra como se pode ser baixo. Não provoque os outros. Saia do anonimato e venha discutir o post comigo.

Já agora deixe o General Loureiro dos Santos em paz. Tenho 47 anos e já penso pela minha cabeça há muitos anos.


De Paulo a 17 de Agosto de 2009 às 15:48
Mas quem é a Srª para vir com ameaças???
A Srª devia era ter vergonha na cara para proferir tão torpes palavras acerca dos outros. Converseta encerrada que não respondo mais a comentários de gente de moral muito dúbia. De uma duas ou a Drª tem muito tempo e o trabalho é pouco ou o mundo se reduz a uma Blogoesfera onde a Srª é a estrela principal
Problemas em ser filha de quem é?O Pai rouba o estrelato?


De Joaquim Amado Lopes a 16 de Agosto de 2009 às 14:36
Maria João,
O mais significativo da entrevista da Carolina Patrocínio é a afirmação de que prefere "fazer batota a perder". É isso que a aproxima mais de José Sócrates e que ultrapassa a mera esfera pessoal.
Deixe lá os caroços das cerejas.


De Fernando a 16 de Agosto de 2009 às 15:45
De facto, esse excerto que apresenta é, só por si, um retrato completíssimo, uma auto-caracterização fatal. Creio que a cabecinha, de tão vazia, nem se deu conta do retrato que faz de si própria e, enfim, daqueles que a escolheram.

Para esta gente, a vileza, o carácter torpe, justifica os fins.


De Maria João Marques a 16 de Agosto de 2009 às 19:04
Têm ambos razão, evidentemente. A mandatária para a juventude é o retrato do líder.


Comentar post


Jamais - Advérbio. Nunca mais, outra vez não, epá eles querem voltar. Interjeição muito usada por um povo de dez milhões de habitantes de um certo cantinho europeu, orgulhoso do passado mas apreensivo com o futuro, hospitaleiro mas sem paciência para ser enganado, solidário mas sobrecarregado de impostos, com vontade de trabalhar e meio milhão de desempregados, empreendedor apesar do Estado que lhe leva metade da riqueza, face à perspectiva terrível de mais quatro anos de desgoverno socialista. Pronuncia-se à francesa, acompanhado ou não do vernáculo manguito.
Vídeo da Semana
autores
posts recentes

Valeu a pena dizer "Jamai...

...

A luta continua.

Até amanhã camaradas

Post final

O novo PSD

"Obrigado Manuela", segui...

Saudações democráticas

Parabéns ao PS

No dia 27, vamos todos vo...

últ. comentários
O Sôtor Elisio Maia fala assim porque depende do a...
ótimo blog, parabéns...
Realmente é o pais considerado como o pais do truq...
Conversa de urinol ..... caro boy PS!!!
Caro amigo anónimo, de facto encontro alguma razão...
meu caro amigo, não duvido das suas competências.....
está completamente certa. Mais... o 12º é pior, po...
nao faz a minima ideia de como existem formandos a...
Esta afirmação de Platão devia estar melhor docume...
Escandalizam-me reflexões como as do artigo da Sra...
mais comentados
links
arquivos

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

subscrever feeds